COMPARTILHAR

A Beijing Capital Airlines, do grupo HNA, está com planos de expansão para ainda este ano: acordos de codeshare com a Azul e a Tap. O grupo, já acionista da aérea brasileira e que visa também fazer parte do capital da companhia portuguesa, pretende potenciar os voos entre Pequim e Lisboa a partir de 26 de julho.

A informação foi confirmada hoje pelo gerente geral de vendas da Beijing Capital Airlines na Espanha, Coral Chen. Ainda segundo ele, a rota programada inicialmente para Hagzhou – Pequim – Lisboa deverá ser alterada por falta de slots, o que fará a operação ser apenas entre as capitais dos dois países. Além disso, os voos deverão ocorrer três vezes por semana em um em A330-200 com 260 lugares disponíveis.

A executiva, que participou hoje de um workshop promovido pela Associação da Hotelaria de Portugal (AHP) e pela Câmara de Comércio e Indústria Luso-Chinesa, também frisou que a companhia tem a perspectiva inicial de manter as operações durante todo o ano.

A previsão para os primeiros 12 meses de operação, que deverá ofertar mais de 40 mil assentos ao mercado, aponta que, no mínimo, mais de 32 mil passageiros serão transportados entre as duas cidades, com uma taxa média de ocupação de aproximadamente 80%.

*Fonte: Presstur

conteúdo original: http://bit.ly/2pmjGAt